Academia do Marketing

Redes Sociais Horizontais e Redes Sociais Verticais

Redes Sociais Horizontais e Redes Sociais Verticais

Redes sociais horizontais e verticais – Qual a diferença?

Saber qual o uso das redes sociais horizontais e redes sociais verticais em uma estratégia de marketing nas mídias sociais faz toda a diferença na hora de planejar uma ação nestas mídias.

Atualmente nos deparamos com uma infinidade de redes sociais pela Internet, cada uma com sua característica e público, mas em se tratando de marketing nas mídias sociais precisamos identificar aquelas que mais se enquadram no perfil do público-alvo das nossas campanhas.

Por isso, é necessário classificarmos as redes conforme sua estrutura para que possamos enquadrá-las em nosso projeto.

1 – Redes Sociais Horizontais

As redes sociais horizontais são as mais genéricas, pois seu objetivo é simplesmente a criação de um ambiente digital em que pessoas possam se comunicar e compartilhar conteúdos como o falecido Orkut, Facebook, Instagram mais recentemente o TikTok.

De maneira geral, as redes sociais horizontais, não possuem muitos bloqueios para o relacionamento entre os participantes porque seguem um modelo linear de distribuição de conteúdo do tipo “encontro social” onde todos os membros devem possuir acesso ilimitado ao conteúdo publicado pelos outros membros.

Por permitirem uma movimentação ampla pelo conteúdo compartilhado, são chamadas então de Redes Horizontais.

Por serem genéricas, as redes sociais horizontais tendem a ter um número elevado de participantes já que a lucratividade do modelo se dá em função do número de Page Views e seus anunciantes tendem a cobrir um espectro maior de produtos e serviços.

Quando usar as redes sociais horizontais em sua estratégia de marketing

Para fins de aplicação no marketing nas mídias sociais, as redes sociais horizontais são mais indicadas quando temos um público muito abrangente e pouco segmentado.

Os anunciantes típicos dessas redes geralmente são empresas que atuam em diversos setores e públicos diferentes, como os grandes magazines e que também anunciam em outras mídias pagas amplas, como o Google Ads. O Facebook, em função do seu tamanho, desenvolveu sua própria rede de anúncios, o Facebook Ads, que também é compartilhada com o Instagram.

2 – Redes Sociais Verticais

As redes sociais verticais são redes mais segmentadas e tendem a agrupar pessoas que tem um interesse em comum.

São redes criadas para o debate em torno de um determinado assunto específico (música, fotos, trabalho, hobbies, etc…) e por isso agregam um público mais uniforme em termos de perfil.

Alguns autores consideram as redes sociais verticais como uma versão sofisticada dos antigos fóruns de discussão que também trabalhavam desta forma.

Para manterem um mínimo de ordem, é uma característica das redes sociais verticais apresentarem barreiras de acesso ao conteúdo como a criação de grupos e comunidades dentro da própria rede.

Atualmente o melhor e mais bem sucedido exemplo de rede social vertical é o LinkedIn que reúne pessoas interessadas em relacionamentos profissionais.

Como possuem um público mais restrito, essas redes tendem a ter um número menor de participantes que o que verificamos nas Redes Horizontais, pois a afinidade com o foco da rede funciona como fator de exclusão natural.

Quando usar as redes sociais verticais em sua estratégia de marketing

A aplicação de Redes Verticais no marketing nas mídias sociais se dá quando temos um público-alvo bem definido e em sintonia com essa determinada rede.

Os anunciantes típicos dessas redes são empresas ligadas a linha de assunto foco da rede que contratam os espaços diretamente com a rede como no caso dos LinkedIn Ads.

O modelo híbrido

Uma coisa curiosa sobre redes sociais horizontais e verticais é por vezes, em função das ferramentas que oferecem, elas acabam se tornando redes híbridas.

Um exemplo clássico disso é o Facebook, que por definição, como vimos acima, é uma rede social horizontal. Ao oferecer a possibilidade de criação de Grupos, ele acaba criando uma rede vertical em sua plataforma.

O afunilamento das redes sociais verticais

Outra coisa interessante sobre redes sociais horizontais e verticais, e que no caso das redes verticais, elas acabam afunilando ainda mais afuniladas em termos de interesses.

Podemos ver isso no LinkedIn, onde através dos Grupos, como no caso anterior, pessoas que têm um interesse comum, formam sub-redes focadas em interesses profissionais específicos, afunilando ainda mais o público.

Quando usar uma ou outra

Em nosso curso de marketing nas redes sociais colocamos esta diferenciação de forma bem clara, pois ela é fundamental na hora de determinar em quais redes vale ou não empreendermos ações, já que cada uma responde de forma diferenciada em termos de taxa de conversão e também exigem investimentos diferenciados.

É importante estar ciente que a escolha entre atuação em redes sociais horizontais ou redes sociais verticais está na base do planejamento.

Como o marketing digital moderno busca cada vez mais foco em suas ações, diferenciar redes sociais horizontais e verticais, ajuda o profissional de marketing a concentrar seus esforços onde realmente vale a pena. Mantenha-se atualizado assinando a nossa Newsletter.

Sair da versão mobile