SEO no jornalismo – Indo além do conteúdo

SEO no Jornalismo - A importância das técnicas de otimização de sites para ferramentas de busca no jornalismo moderno

SEO no Jornalismo – A necessidade de ir além do conteúdo

É difícil compreender por que as técnicas de SEO no jornalismo não são ensinadas nas faculdades aqui no Brasil, já que, um grande número destes profissionais inevitavelmente acabará escrevendo seus artigos e reportagens para serem publicados na Internet.

Sem a aplicação das técnicas de SEO – Search Engine Optimization, por mais elaboradas e bem feitas que possam ser essas matérias, dificilmente ocuparão posições de destaque nas páginas de respostas dos buscadores.

A questão do SEO no jornalismo precisa ser encarada de forma mais incisiva, uma vez que no ambiente digital ela também faz parte do processo de comunicação. O jornalismo online é cada vez mais dependente das ferramentas de busca para sua propagação e sem o domínio das técnicas de marketing de busca, com foco na busca orgânica, fica quase impossível conquistar um bom posicionamento da notícia nas páginas de resposta dos buscadores.

Mais do que puramente conteúdo – Encontrabilidade

O jornalismo moderno precisa ir muito além da fronteira da produção de conteúdo. É inquestionável a importância dos mecanismos de busca no consumo de conteúdo mundo digital. A palavra de ordem é: Seja encontrado ou caia no ostracismo! Diante deste paradigma, a aplicação das técnicas de SEO na trabalho jornalístico se torna questão vida ou morte para o profissional moderno.

O jornalismo online atual não pode se dar ao luxo de ignorar a necessidade de adaptação aos padrões impostos pela Internet e nesses novos padrões de consumo de conteúdo se enquadram as redes sociais e o marketing de busca. A necessidade de adaptação a essas novas regras, como o webwriting e a aplicação de técnicas de SEO no jornalismo é certamente um diferencial em termos de carreira que não se pode negar.

importancia-do-seo-no-jornalismo

Os fatores que afetam o SEO no jornalismo

Existem três componentes de SEO que influenciam no posicionamento de uma página nas buscas do Google e outros grandes buscadores.

  • Fatores Estruturais – Fatores de otimização que dependem da estrutura técnica do site e por isso, totalmente fora do controle dos jornalistas;
  • Fatores de SEO Onpage – Fatores de estrutura do texto publicado e alguns fatores técnicos como Meta Tags e outros que estão sob controle dos profissionais de jornalismo;
  • Fatores de SEO Offpage – Fatores externos à página, como links de outros sites para a matéria e menções em redes sociais, que podem ser administrados pelo jornalista.

No que diz respeito aos Fatores Estruturais do processo de SEO, nas grandes redações o problema praticamente não existe já que os portais atualmente possuem a  estrutura de TI necessária para serem encontrados com facilidade pelas ferramentas de busca. O problema maior está em blogs e outras pequenas plataformas de publicações, nem sempre preparadas.

Os Fatores de SEO Onpage estão totalmente sob controle de quem escreve. É ai que entra a questão do SEO no jornalismo. Além de um bom conteúdo, inédito e bem planejado, é preciso que o profissional de jornalismo aplique as diretrizes de webwriting e além disso, algumas técnicas de otimização para ferramentas de busca para deixar seu conteúdo SEO Friendly, ou seja fácil de ser indexado pelos buscadores e com requisitos técnicos para alcançar um bom posicionamento na SERP – Search Engine Response Page, ou páginas de respostas de busca.

Já os Fatores de SEO Offpage, dizem respeito a questões técnicas como popularidade do site, menção em redes sociais, qualidade dos links externos e outros fatores de SEO que, embora sejam mais difíceis de ser administrados, também podem ser objeto de otimização por parte do jornalista ou até mesmo da redação do veículo.

SEO ainda é tabu para alguns jornalistas

A aplicação do SEO no jornalismo não é fácil, mas também não é nenhum bicho de sete cabeças e muito menos exige conhecimentos de programação, como alguns podem erradamente pensar. É apenas uma questão de aprender as técnicas e passar a incorporá-las no dia a dia do trabalho jornalístico.

Alguns profissionais argumentam que ouviram falar que o uso de técnicas de SEO no jornalismo torna os textos feios e desagradáveis. Pura lenda. É possível escrever um texto de qualidade e estilo usando técnicas de otimização para ferramentas de busca. O SEO não briga com o conteúdo, ele apenas ajuda a torna-lo mais visível.

Lá fora já é comum jornalistas buscarem o domínio dessas técnicas para conseguirem melhor exposição para seus trabalhos. Aqui, na Academia do Marketing, também temos sentido essa preocupação na medida em que cada vez mais profissionais de jornalismo procuram pelo nosso curso de SEO.

O jornalismo e a assessoria de imprensa na Internet, precisam entregar um retorno mensurável e o rastreamento do resultado dessas ações é simples. O importante é deixar estes resultados visíveis para o cliente, de forma a deixar evidente o resultado desse tipo de trabalho para a promoção de uma marca.

  Leia o artigo Como Medir o ROI de Uma Assessoria de Imprensa

A questão do SEO no jornalismo já não é mais uma simples tendência para um futuro próximo. Ela já é uma realidade na maioria das redações e a verdadeira tendência é que ela se torne cada vez mais importante. Mantenha-se atualizado sobre essa e outras questões sobre marketing digital aplicado ao jornalismo e assessoria de imprensa, assinando nosso Boletim Informativo.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes